segunda-feira, 11 de maio de 2009

Eu, Zeugma.

Ingênua escrupulosa de linhas 

R
E
T
A
S

E moça de uma tangente só. A que vê no verão

T
  A
    N
      G
   R  E T A 
          N
            T
              E
Do beijo aprendido, prendido.
                    T
                 A
              N
          G
A T  E R
      N
   T
E tanta gente perpendicular
Perpen-ridicularizando.
Deixando os principais vértices elípticos.
Elípticos dos verbos matemáticos.

Gosto do triângulo.
Destesto gente quadrada
Que quer ser quadrada
Que quer ser quarto vértice.

Sou aresta, sou reta e sou vértice.
É aresta, é reta e é vértice.
És também aresta, reta e vértice.
Uma é reta base. Dois sustentam.

Deixemos a geometria da escrupulosa
Vamos à elipse do verbo, o princípio.
Conjugado: eu te verbo. Eu também.
Mas eu não verbo. Eu, zeugma.

.